Para acessar o novo blog clique aqui

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Um termino, um começo


Os Dias parecem normais
Mas tudo está tão cinza
E junto a desejo carnais
Eu visto está camisa

Se o tempo tem acabado?
Ainda tem restado
Uma vasta esperança
Com uma certa desconfiança

Continuar a acreditar
Em cada criança
Em cada olhar
De esperança

Ah! se tudo começar
Ainda iremos nos conformar
E se nada parar
Ainda iremos continuar

Ainda estou a pensar
Em algo que resolve
Vamos sempre a bailar
Como tiros de revolver

A cada tempo
Eu me sento
E me pego a pensar
Tudo deve acabar?

                               Mikhaelle de C. Bueno

Nenhum comentário:

Postar um comentário